Veja o que significa ser persuasivo e como trabalhar isso em você

Ser uma pessoa persuasiva significa saber convencer | Foto: Unsplash/Product School

O ser humano é dotado de diversas características que podem ou não ser benéficas durante a vida. Algumas são trabalhadas, enquanto outras são escondidas. A pessoa persuasiva tem um traço de personalidade que pode ser muito positivo se utilizado da maneira correta. No entanto, anda em uma linha tênue com a manipulação, que é algo extremamente negativo. Por isso a importância de entender o que significa persuasivo.

Quer aprender sobre o que é uma pessoa persuasiva, além dos benefícios dessa característica e como ser persuasivo? Continue a leitura!

O que significa persuasivo? 

Ser persuasivo significa saber convencer os outros por meio da apresentação de argumentos válidos e utilizando de outros artifícios que facilitam o convencimento, mas que não prejudicam de forma alguma o ouvinte. A pessoa persuasiva busca conseguir credibilidade, ela sabe ouvir e entender que existem outros pontos de vista. Por isso, convence sem inferiorizar o outro.

O manipulador, por sua vez, busca influenciar as pessoas a seu favor e não se preocupa com o bem-estar do manipulado, seus únicos objetivos são dominar e controlar o outro. Em entrevista ao UOL, a psicóloga e psicanalista Ana Cecília Carvalho disse: “Em geral, para convencer, usamos argumentos lógicos. Já a manipulação refere-se a comportamentos arbitrários por parte de quem usa artifícios para a conquista dos objetivos”.

É verdade que cada pessoa possui sua própria personalidade, mas é possível observar algumas qualidades comuns entre pessoas persuasivas. Algumas delas são:

  • Facilidade em se comunicar;
  • Didática;
  • Simpatia; 
  • Empatia.

O que é linguagem persuasiva? 

Portanto, se você está se perguntando o que é linguagem persuasiva, saiba que se refere à comunicação voltada para o convencimento. Um discurso ou texto com finalidade persuasiva utiliza argumentos válidos e gatilhos mentais para convencer o público para o qual é destinado. 

Quais são os benefícios de ser uma pessoa persuasiva? 

Não foi à toa que você clicou neste artigo, é muito provável que já conheça algum ou alguns benefícios da persuasão. É fato que ser uma pessoa persuasiva pode trazer diversas vantagens para a vida, principalmente se você tem um negócio, visto que esse traço pode te ajudar a lidar com os seus fornecedores e até mesmo com os próprios clientes.

Além dessa, existem ainda outras diversas vantagens. Por isso, veja a seguir alguns benefícios da persuasão! 

Construção de uma boa imagem 

A persuasão auxilia na criação de uma boa imagem pessoal e profissional. Isso porque as pessoas que conseguem desenvolver essa qualidade costumam ser enxergadas como simpáticas e agradáveis de lidar. 

Desenvolvimento da inteligência emocional 

Ter inteligência emocional é essencial para viver bem e prosperar no âmbito profissional. Trabalhar a persuasão também pode auxiliar no desenvolvimento dessa qualidade, pois você será capaz de controlar melhor suas emoções. Além disso, conseguirá entender os sentimentos do outro com mais facilidade.  

Melhora em sua habilidade de convencimento 

Saber convencer é a essência da persuasão. Essa qualidade pode ser decisiva, principalmente se você tem um negócio ou pensa em começar um, visto que para alguém decidir comprar seu produto é necessário convencê-lo disso.

Otimização de outras qualidades 

O desenvolvimento de outros traços de personalidade, como a flexibilidade e a tolerância, também é um efeito colateral da persuasão. Uma vez que você utiliza essas habilidades para persuadir, elas são trabalhadas e otimizadas com o tempo.

5 dicas de como ser persuasivo 

Algumas pessoas são persuasivas sem precisar nem pensar nisso, assim como existem as que têm mais tendência a serem persuadidas. Mas isso não quer dizer que a persuasão é um talento nato que é impossível de se desenvolver no decorrer da vida. Existem algumas atitudes que podem e devem ser tomadas se você quiser desenvolver esse traço de personalidade. Confira algumas delas a seguir!

1. Aprenda a escutar 

Para que o indivíduo do outro lado possa confiar em você e ter simpatia pelo que está dizendo, é necessário que ele se sinta ouvido. Quando as pessoas se sentem especiais, elas tendem a prestar mais atenção no que você tem a dizer. Por isso, dê espaço para o outro falar, especialmente sobre si mesmo, visto que o ser humano gosta de se sentir importante.

2. Desenvolva sua autoconfiança 

Pessoas persuasivas confiam em si mesmas, isso é fato. Afinal, como convencer o outro a comprar algo oferecido por sua marca se nem você acredita no seu trabalho? A insegurança é um problema, principalmente quando é excessiva. Por isso, você deve trabalhar sua autoconfiança. 

Então, primeiro reconheça suas qualidades e aceite que ninguém é perfeito. Buscar a perfeição extrema só tem o poder de te frustrar. Parar de se comparar e ter paciência consigo mesmo também são atitudes que devem funcionar. Além disso, buscar ajuda psicológica é sempre o mais recomendado para que as inseguranças sejam trabalhadas da maneira correta.  

3. Seja autêntico 

Ser autêntico significa posicionar-se de maneira única, sem tentar reproduzir a personalidade do outro. Pode parecer clichê, mas sua melhor opção para se tornar uma pessoa persuasiva é ser a melhor versão de si mesmo. 

Além disso, ser um indivíduo autêntico significa mostrar sua verdade para o mundo. Quando o ouvinte percebe que você é um ser humano como qualquer outro e que realmente se importa com seus sentimentos, ele fica muito mais aberto para escutar o que você está falando.

4. Passe credibilidade 

Para persuadir as pessoas é preciso passar credibilidade. E, para conseguir isso, é necessário ser honesto com o ouvinte, ter domínio do que você está falando e cuidar da sua aparência, de modo que ela transmita a mensagem que você quer passar. 

5. Saiba quando parar de falar 

Saber quando parar de falar é tão essencial quanto saber o que é linguagem persuasiva. Persuadir envolve muito mais escutar do que falar de fato. Além disso, caso você não tenha nada interessante para falar ou não tenha conhecimento suficiente sobre determinado assunto, a melhor opção é ouvir quem entende. Ninguém é obrigado a saber de tudo, e admitir que não sabe é uma atitude honrável. 

Portanto, agora você entende o que significa persuasivo e sabe como desenvolver essa habilidade. Então, basta colocar os conselhos em prática daqui em diante, a fim de melhorar sua vida pessoal e profissional. Também, vale a pena fazer um curso de Marketing Digital para aprender especialmente sobre a promoção de negócios utilizando a persuasão. 

 

 

 

Referências: 

https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2019/10/16/saber-ser-persuasivo-e-muito-positivo-veja-quando-isso-passa-dos-limites.htm

https://nerdweb.com.br/artigos/2020/02/como-ser-uma-pessoa-persuasiva-melhor-negociador.html

https://www.guiadacarreira.com.br/carreira/persuasao/

https://www.ibccoaching.com.br/portal/importancia-da-comunicacao-persuasiva-na-vida-social/

https://www.psicoterapiaeafins.com.br/2020/04/02/12-passos-para-desenvolver-a-autoconfianca/

 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Autor