Saiba como funciona o Linktree e se vale a pena investir nessa plataforma para seu perfil

Linktree: a ferramenta que agrupa links para diversos sites. | Foto: Freepik/natanaelginting.

É provável que você já tenha visto uma página de serviço chamada Linktree nas redes sociais, em especial no Instagram. O Linktree é um hub de atalhos e sites referentes a uma marca ou pessoa. Ou seja, através de um único link é possível ter acesso a diferentes perfis em outras redes por meio de outros links.

Essa plataforma é bem simples de mexer e fácil de ser configurada. Ela pode servir para uso profissional, mas nem sempre é indicada.

Ao longo da matéria, você entenderá melhor sobre a ferramenta Linktree o que é, como funciona, como fazer Linktree, para que serve, além de suas vantagens e desvantagens. No fim das contas, a questão é: vale a pena investir no Linktree? Continue a leitura para descobrir!

O que é Linktree? 

O Linktree é uma ferramenta paga e muito utilizada no marketing. O Linktree funciona como uma opção para que todos os seus links importantes (sites, redes sociais, e-commerces etc.) possam ser compartilhados através de um único endereço.

É o caso de divulgar as suas redes sociais na biografia do Instagram, por exemplo. Para evitar uma longa lista de links, o Linktree foi criado para reduzir todos os links em apenas um.

Como o Linktree funciona? 

O Linktree disponibiliza 14 dias gratuitos para você experimentar a ferramenta e após esse prazo é cobrada a assinatura da versão PRO, custando cerca de R$ 16,00 mensais.

Para entender o Linktree como fazer, é necessário realizar um cadastro no site oficial do Linktree e criar sua conta. Depois, basta personalizar sua página da maneira que preferir, definir um domínio e colocar nome e ícone.

A próxima etapa é selecionar quais links deseja colocar. É recomendável priorizar as redes sociais, perfis profissionais e sites.

Após criar sua página, é só copiar a URL (link) do Linktree e colar nos locais onde deseja divulgar, como na biografia do Instagram (onde geralmente o pessoal mais usa), no Twitter, posts de Facebook, descrição do YouTube, até mesmo em um currículo, apresentando-o como portfólio.

Para que serve o Linktree? 

O Linktree tem a função de ampliar nossos links e sites. De forma rápida e fácil, a versão gratuita com benefícios limitados pode ser acessada por qualquer pessoa ao criar uma conta em minutos. Daí, o usuário pode adicionar vários links para redirecionar a audiência para qualquer lugar.

O problema é que toda essa facilidade, seja ela paga ou gratuita, pode gerar alguns prejuízos imensuráveis com o passar do tempo.

Vale a pena investir no Linktree? 

O Linktree funciona como um agrupador de links com a finalidade de inserir todos os links em um só para ser divulgado nas redes sociais. Ele direciona toda a audiência para um conteúdo ou produto específico de interesse do usuário.

Mas o que realmente acontece é que o primeiro clique de alguém que visita o perfil no Instagram leva a audiência para um site longe de você. Uma página que não captura os dados de navegação e que nem é sua.

Conheça melhor as vantagens e desvantagens do uso do Linktree a seguir.

Vantagens e desvantagens 

Algumas vantagens do Linktree são:

  • As variadas sugestões de locais para o compartilhamento de links, podendo ser nas redes sociais (Instagram, Twitter, TikTok, Facebook, Pinterest, blogs, sites, currículos e muito mais);
  • O serviço básico é gratuito, sendo suficiente para vários usuários;
  • Possibilidade de inserir um número ilimitado de links;
  • Possibilidade de analisar as estatísticas, visualizações e cliques nos links mencionados;
  • Opção de modificação do tema e adição de um avatar próprio.

 

Agora veja as desvantagens, apresentando os motivos pelos quais não utilizar o Linktree, principalmente na biografia do Instagram:

1. Não é a sua marca 

Ao usar o Linktree, você não está fortalecendo seu branding. Utilizando um único link no Instagram como agrupador de links terceirizados, você reforça o branding de outra marca, deixando de fortalecer a sua.

Esse único link pode ser a sua chance de mostrar um site próprio ou uma marca, portanto, utilizando o Linktree você perde a oportunidade de aumentar a sua autoridade.

2. Pode confundir sua audiência 

Muitas pessoas ainda não entendem o que é o Linktree, ele não é o seu site. As pessoas podem buscar pelo seu site no Google e apenas se lembrarem do site anterior, o Linktree, e nunca realmente te encontrarem.

3. Causa desvio do tráfego do seu próprio site 

Os números de acessos ao seu site são extremamente importantes. Cada vez que alguém tenta chegar nele e passa por um intermediador antes, você perde todas as visualizações.

Ao induzir a audiência a acessar o Linktree, as contagens de acesso e visualização vão para ele, não para seu site.

4. Não é possível fazer remarketing 

Se você possui um pixel de conversão do Facebook ou até uma tag do Google instalado no seu site para capturar os dados dos usuários que acessam ele, ao levar a audiência do link da biografia do Instagram para outro site, não é possível capturar esse dado e nem saber que esse clique existiu.

Vamos dizer que alguém se interessou pelo seu perfil e clicou no link da biografia para saber mais, porém, decidiu que não iria navegar nos links naquele momento. Caso você não tenha conseguido capturar o pixel desse acesso, é possível que o usuário perca você de vista.

5. O Instagram não gosta do Linktree 

Talvez o combo Linktree Instagram não seja uma boa ideia. Algumas pesquisas mostram que o Instagram é capaz de detectar quem utiliza um site terceirizado para agrupar os links, derrubando a pontuação da sua conta, deixando ela aparecer de maneira menos orgânica.

O algoritmo do Instagram percebe que você está enganando o público, afinal de contas, você está direcionando sua audiência para um site que nem é seu antes de chegar ao seu conteúdo verdadeiro. Por fim, o Linktree pode ser visto como um tipo de droplink mal visto pela rede social.

Se você já conseguiu chegar a uma conclusão sobre se vale a pena utilizar o Linktree, ou não, e deseja conhecer outras formas de conquistar clientes no ambiente online, a Escola do Marketing Digital está pronta para te auxiliar. Para mais informações, acesse nosso site!

 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Autor