fbpx

Google PageSpeed Insights: veja o que é e como utilizá-lo

O Page Insights é uma ferramenta que ajuda na melhora dos resultados online da marca | Foto: Unsplash/Myriam Jessier

Colocar o site da marca online é uma das primeiras coisas que uma empresa faz quando quer posicionar-se no ambiente digital. Isso porque o site é o cartão de visitas de qualquer companhia na internet e, em algumas ocasiões, até mesmo fora dela. Por isso, existem algumas coisas que devem ser evitadas nesse ambiente e uma delas é a demora no carregamento. Então, é aí que o Google PageSpeed Insights entra. Quer entender o que é o PageSpeed Insights e como ele pode te ajudar? Continue a leitura!

O que é o Google PageSpeed Insights? 

O Google é uma grande vitrine do mundo virtual. Diversas empresas utilizam a plataforma para se promover e competem pela atenção do público. Por isso, o buscador tem várias exigências para definir o ranqueamento de páginas nos resultados de pesquisa, até o mínimo detalhe conta.

A rapidez é um desses fatores que influenciam na posição do seu site no Google. Pois, quando sua página é muito lenta, o Google entende que ela não está oferecendo uma boa experiência ao usuário que, ao deparar-se com tal situação, pode desistir, ficar frustrado com a pesquisa e fechar o site ainda nos primeiros segundos.

Fora que, quando uma página tem um índice de rejeição muito alto, a possibilidade de ela converter leads é bem menor, uma vez que tem menos leads para converter. Por isso, a lentidão do seu site pode te prejudicar de várias formas. Então, essa é uma questão que vale a pena dedicar um tempo para pensar sobre e corrigir os possíveis problemas.

É aí que surge o Google PageSpeed Insights, uma ferramenta gratuita do próprio Google que avalia o site de acordo com sua rapidez e apresenta soluções para o usuário melhorar essa avaliação. Para acessar o Page Insights e verificar a nota da sua página, basta entrar no site da plataforma, colar seu hiperlink no campo indicado e clicar em “Analisar”.

Notas do PageSpeed Insights 

Após clicar em “Analisar”, a ferramenta precisará de um tempo para analisar seu site e apresentar uma nota que deve variar de 0 a 100. A pontuação de 0 a 49, representada pela cor vermelha, significa que o desempenho do site está ruim, entre 50 e 89, representada pela cor laranja, significa que pode melhorar, enquanto a nota de 90 a 100, representada pela cor verde, indica um bom desempenho.

O Google deixa claro que não é esperado que o site atinja uma pontuação perfeita, ou seja, que chegue nos cem pontos. O buscador diz que, para fornecer uma boa experiência ao usuário, os sites precisam se esforçar para ter uma pontuação acima de 90. Por isso, é importante pensar nas dicas que o próprio Insight Google dá e fazer as alterações necessárias, a fim de otimizar seu principal cartão de visitas.

Como melhorar a pontuação no PageSpeed Insights? 

Agora você já sabe o que é o Google PageSpeed e entende a importância de utilizá-lo. Então, pensando em te ajudar com essa otimização, separamos algumas dicas que serão listadas abaixo. Confira!

Evite redirecionamentos 

Para aumentar a velocidade do seu site, é interessante verificar se ele está fazendo redirecionamentos e corrigir isso. O Google diz que: “Os redirecionamentos desencadeiam um ciclo adicional de solicitação-resposta HTTP e atrasam a renderização da página”. Por isso, o buscador recomenda minimizar o uso desse artifício.

O Google também indica o estudo dos fundamentos do design responsivo para que o desenvolvedor aprenda a melhorar a experiência do site em diferentes dispositivos e se desfazer de redirecionamentos que só atrasam o carregamento. 

Melhore o tempo de resposta do servidor 

O tempo de resposta do servidor é, basicamente, o tempo que seu servidor leva para iniciar o processo de carregamento da página. Segundo o Google, existe a possibilidade de haver variações nesse tempo, mas elas não costumam ser muito significativas. Pois, caso isso aconteça, pode indicar um problema implícito.

O buscador recomenda reduzir o tempo de resposta do servidor para menos de 200 ms. E, para melhorar o desempenho do site nesse aspecto, é preciso considerar fatores como: esgotamento dos recursos da CPU, roteamento lento, frameworks e bibliotecas.

Otimize as imagens do site 

Quando o Page Insights avisa que as imagens do site devem ser otimizadas, é necessário dedicar tempo para resolver isso. De acordo com o Google, a otimização de imagens, na maioria das vezes, é uma das ações com mais influência na melhoria de desempenho. Quanto menos o navegador tiver que se esforçar para exibir a imagem, mais rápido acontecerá a exibição.

O próprio Google PageSpeed Optimization oferece a possibilidade de baixar imagens otimizadas direto da plataforma, o que agiliza muito o processo. Também é possível utilizar outras ferramentas para isso, como a do ImageMagick. 

Ative a compactação 

O Google recomenda fortemente a ativação da compactação gzip que, segundo ele, “pode reduzir o tamanho da resposta transferida em até 90%”, o que deve resultar em uma redução significativa no tempo de renderização das páginas. Então, consequentemente, as pessoas que decidirem visitar o seu site precisarão esperar menos tempo para visualizar o conteúdo.

Para isso, o buscador recomenda que os responsáveis pelo site ativem e testem a compatibilidade de compactação gzip em seu servidor. Isso, além das outras dicas dadas até aqui, deve ajudar seu site a melhorar o desempenho e, com isso, conseguir mais conversões.

Priorize o conteúdo visível 

Por fim, como última dica, priorize o conteúdo visível do seu site, ou seja, dê mais atenção para o conteúdo acima da borda. Dessa forma, você conseguirá um carregamento mais rápido e essa melhora refletirá em seus próximos testes no Google PageSpeed e Google PageSpeed Optimization

O Google recomenda limitar o tamanho dos dados necessários para processar esse conteúdo estruturando o HTML, a fim de que ele carregue primeiro apenas o conteúdo essencial, e reduzindo a quantidade de dados necessários para renderizar a página.

Portanto, o Google PageSpeed Insights apresenta-se como uma ferramenta essencial para o Marketing Digital, visto que o tempo de carregamento do site influencia diretamente em seu posicionamento no Insight Google e na conversão de leads. Por isso, siga as dicas do artigo para melhorar sua pontuação no PageSpeed Insights e considere fazer um curso de Marketing Digital para aprender ainda mais sobre como conquistar seu espaço na internet. 

 

 

 

Referências:

https://neilpatel.com/br/blog/google-pagespeed/

https://web.dev/performance-scoring/

https://developers.google.com/speed/docs/insights/about?hl=pt-br

https://developers.google.com/speed/docs/insights/AvoidRedirects?hl=pt-br

https://developers.google.com/speed/docs/insights/Server?hl=pt-br

https://developers.google.com/speed/docs/insights/OptimizeImages?hl=pt-br

https://developers.google.com/speed/docs/insights/EnableCompression?hl=pt-br

https://developers.google.com/speed/docs/insights/PrioritizeVisibleContent?hl=pt-br

https://www.pcguia.pt/2020/09/o-que-e-o-google-pagespeed-%e2%80%8b%e2%80%8binsights-e-como-pode-ajudar-o-seu-site/

 

 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Autor