Conheça mais sobre os Funis de Venda

Funil de vendas o que é: funil de vendas é o caminho que os clientes em potencial seguem. | Foto: Freepik/vectorjuice.

O marketing digital é uma área extremamente ampla que engloba diversos conceitos. Por isso, é comum ficar confuso com algum termo ou outro, principalmente quando está começando. O funil de vendas, por exemplo, faz parte do marketing digital e é decisivo para o sucesso de estratégias de promoção e consolidação de marcas, produtos ou serviços. 

Quer conhecer os princípios do marketing digital, além de aprender sobre funil de vendas? Continue a leitura!

O que é preciso para começar com o Marketing digital? 

Para começo de conversa, você precisa entender o que é marketing digital. Marketing digital consiste em um conjunto de estratégias devidamente planejadas, elaboradas para atrair e reter clientes por meio de canais digitais. Então, marketing digital carrega o mesmo princípio de promoção que o marketing tradicional. O que difere um do outro é o ambiente no qual o marketing é realizado.

Marketing é baseado em estratégia. Por isso, antes de começar qualquer campanha de marketing digital, é preciso conhecer muito bem o mercado no qual atua e o público-alvo da empresa, bem como suas personas – que são as personificações desse público-alvo. 

Assim, faça uma pesquisa de mercado, descubra quem realmente precisa do seu produto, por que e quem são essas pessoas. Além disso, observe as soluções já disponíveis no mercado e pense nos diferenciais da sua.

Feito isso, defina os objetivos da sua empresa com o marketing digital. Pense em quantas pessoas você quer alcançar no período de dois meses, por exemplo. Ou no quanto você quer conseguir de engajamento em determinada rede social. É assim que começa o trabalho com marketing digital em uma empresa. 

O que é um funil de vendas? 

O funil de vendas também faz parte dessa “iniciação” no marketing digital. O funil de vendas consiste na divisão do processo de negociação em etapas. Ou seja, esse conceito se refere ao caminho, na visão da empresa, que o cliente em potencial percorre até chegar à etapa de compra. 

Cada etapa do funil de vendas pede uma estratégia de marketing específica. O funil de vendas está associado à jornada de compras do consumidor. Logo, a cada etapa do funil de vendas, esse consumidor precisa receber o suporte necessário para que consiga passar para a próxima. 

Quando você trabalha o conceito de funil de vendas em sua estratégia, é como se você estivesse acompanhando cada passo do seu cliente. Por meio do funil de vendas é possível acompanhar de perto cada indivíduo alcançado por sua empresa, antes mesmo de ele se tornar um lead (pessoa que já demonstrou interesse no produto).

O apelido “funil de vendas” tem tudo a ver com o conceito. No topo do funil de vendas, que é a parte maior, ficam as pessoas que acabaram de conhecer o negócio. Assim, na medida em que elas adquirirem mais conhecimento sobre suas dores,podem se animar em procurar soluções. Isso as leva até a ponta do funil de vendas, que é a menor parte – onde, de fato, acontece a compra.  

Funil de vendas etapas 

O funil de vendas é dividido em três etapas: topo, meio e fundo. A cada etapa que o consumidor avança no funil de vendas, mais perto ele está de fechar negócio com a empresa. Por isso, com o funil, a quantidade de pessoas vai diminuindo etapa por etapa, pois o número de visitantes que conhece a empresa não é o mesmo de leads que chegam até a etapa de compra.

No topo do funil de vendas ficam os clientes em potencial, que são aqueles que acabaram de conhecer a marca. No meio do funil ficam os leads, que são aquelas pessoas que já conhecem seu problema e buscam uma solução para ele. Agora, os leads que chegam até a última etapa do funil de vendas são aqueles que já sabem como resolver seu problema e estão avaliando comprar alguma coisa para auxiliá-los na tarefa. 

Como já foi dito aqui, cada etapa do funil de vendas exige estratégias de marketing específicas. Afinal, não faz muito sentido oferecer conteúdo de atração para os leads que já estão no fundo do funil. Para entender melhor sobre o assunto, veja, a seguir, um pouco mais sobre cada uma das etapas.

Topo 

As pessoas que estão no topo do funil de vendas não passam de visitantes. Esses visitantes ainda estão descobrindo e entendendo seu problema, muitos sequer descobriram que têm um problema. Basicamente, é aqui que eles conhecem a marca e descobrem que têm uma dor a ser resolvida. 

Esse é o momento em que postagens e artigos informativos caem muito bem. Essas pessoas estão reconhecendo seu problema. Logo, o ideal é oferecer materiais para ajudá-las nesse processo. Além disso, é interessante evoluir a oferta desses materiais para coisas que possam gerar conversões, como e-books, que solicitam o e-mail para serem baixados. 

Meio 

Quando chegam ao meio do funil, esses visitantes já passam a ser chamados de leads. Isso porque eles já sabem qual é a sua dor e agora estão buscando formas de resolvê-la. Nesse estágio do funil de vendas, é preciso trabalhar com materiais mais específicos e dicas mais técnicas, a fim de qualificar o lead para a próxima etapa. 

Fundo 

No fundo do funil chegam os leads qualificados, os que estão prontos para receber propostas de vendas. As pessoas que chegam a essa etapa do funil de vendas ainda não decidiram comprar, mas já estão pensando nisso. Portanto, essa é a fase na qual a empresa termina de convencer o lead que ela é a opção certa para resolver seu problema. 

Funil vendas: o funil de vendas tem três etapas. | Foto: Freepik/vectorjuice.

Para que serve um funil de vendas? 

O funil de vendas é uma forma de acompanhar de perto todo o caminho que o consumidor faz desde o momento em que ele conhece sua marca, até quando ele faz a compra. Utilizar um funil de vendas te ajuda a entender as questões de cada público e pensar nas necessidades estratégicas de forma melhor segmentada.

Quando um time de marketing digital trabalha com um funil de vendas, a probabilidade de transformar um mero visitante em um cliente fixo é muito maior. Portanto, vale a pena se aprofundar no assunto e adotar esse conceito daqui para a frente. 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Autor